A “Burrocracia” Brasileira dos Brasileiros

6
1112

No vídeo de hoje falamos sobre a “burrocracia” brasileira. E ela não é apenas do nosso governo como todos imaginam. Ela se entranhou em toda a sociedade.

Assista agora e veja alguns pequenos problemas que afetam nossos empresários na hora de investir no país, o que leva muitos a repensarem seus projetos e saírem de nosso país.

 

  • Conheça o nossos Cursos Online e aprenda a criar seus próprios projetos gráficos. Domine o Photoshop, Illustrator e InDesign como um designer gráfico profissional.

 

E aí? O que achou do vídeo? Deixe aqui embaixo o seu comentário e discuta conosco as situações por que já passou no seu dia-a-dia.

Discutir esse assunto é muito importante para garantirmos um futuro melhor. E esse ano de eleição é perfeito para isso.

Espero que tenham gostado.

Um grande abraço a todos!

 

6 COMMENTS

  1. ola paulo tudo bem com você ! vejo você tentando novamente e sou seu admirador ! sinceramente de coração pois eu tenho gráfica e me vejo na seguinte situação ! tenho demanda muito boa mas não consigo contratar, os encargos de funcionários não é fácil, o mercado muito acirrado de preços que chaga ao limite do custo, assim você coloca um funcionário ensina tudo depois de 5 anos ele se torna seu sócio ! mesmo sem você querer ! pois a recisão dele leva de 20 a 40 porcento da sua empresa dependo do porte ! é justamente isso que esta errado nesse pais o empresario e tratado como bandido e funcionário tratado com vitima na justiça ! mas ninguém leva em consideração que empreender é perder noites de sono é chegar mais cedo e sair por ultimo , levar trabalho para casa e vender um bem para não faltar com nenhum funcionário e fornecedores quando as vendas cai ! entre outras coisas que todos nos sabemos ! eu não sei onde vamos parar, esta ficando cada vez mais inviável se ter mão de obra por isso essa quantidade de desempregados alarmante que estamos vendo no pais. ou muda as leis referente a essas burocracias sem fundamento ou estamos fadados ao fracasso ! acho que como você e eu vendo online os pedido caiu muito devido a altas taxas dos correios por um serviço que não passa nem perto de ser regular quem me dera bom ! as vezes me pego pensando a noite como será meu amanha pois estou cada vez mais sem saídas ! peço desculpas pelo meu desabafo mas acho que como eu e você tem muito outros que estão na luta !! grande abraço

    • Wanderson,
      Antes de mais nada eu te entendo. Nossas leis são uma droga. Eu mesmo pensei muito em mudar de pais para empreender fora.
      Mas há uma grande chance de mudar de rumo no próximo ano. Meus investimentos são relativamente pequenos, não tenho funcionarios pois será uma empresa familiar e a chance de dar certo é boa… mesmo que não exploda pode ser uma forma de me capitalizar um pouco para ir pra fora se as coisas ficarem estranhas no pais. Vale lembrar que eu trabalhava basicamente com o mercado livre, que simplesmente detonou os pequenos vendedores com as novas regras… ou seja, estou desempregado, num país sem empregos e só montando um negócio próprio é que terei chance de mudar.
      O que eu posso falar para você? Invista em tecnologia para depender o minimo de funcionarios. Voce pode ter um funcionario que leve 3 dias para dobrar um pedido de folders ou ter uma maquina que faça isso em menos de 1 hora. A diferença de produtividade é descomunal. Mas o equipamento se paga em alguns meses e o funcionario é um peso por anos.
      Não dá para fazer tudo de uma vez e nem se livrar de vez dos funcionarios, mas pode-se trabalhar com uma pessoa mais capacitada, com uma cabeça melhor e mais estudo, que use os equipamentos sem quebrar e que receba um salario que não seja tentado a sair do emprego. Ou seja, um intraempreendedor que saiba que não tem recursos para montar um negócio proprio e que perceba que pode crescer mais te ajudando a crescer. Quanto maior a escolaridade maior a chance de achar alguém com esse perfil. O funcionario burro em geral não consegue ver os custos escondidos do negócio e faz a conta de que vai ficar rico do dia para a noite (não percebe que você não ficou rico e esta a mais tempo no negócio do que ele).
      E se as coisas piorarem, pode-se colocar todos os equipamentos num caminhão e mudar para o paraguai ou outro pais mais decente que o nosso.
      Se você quiser uma ajuda mais específica no seu negócio me manda alguns detalhes da sua operação via email, como endereço, custos, produtos que saem mais, dificuldades e desejos. Quem sabe trocando algumas idéias surja algo das besteiras que eu te passar… é o velho ditado… duas cabeças pensam melhor do que uma.
      Perceba que pessoas que estão longe podem ver a montanha e os vales entre elas que sejam um caminho para atravessa-las… mas quem esta no pé da montanha vê apenas o obstáculo intransponível. Será que não é hora de ouvir outras pessoas ou dar alguns passos para trás para ver melhor o caminho?
      Um grande abraço.

  2. Prezados Amigos Empreendedores!

    Estou cursando Marketing na UNICARIOCA e posso lhes garantir que isso começa no mundo acadêmico, professores marxistas capitalistas que forçam a reprovações dos alunos por míseros 0,01 décimo de notas com objetivos de mantê-los o maior tempo possível pagando por um diploma acadêmico tão exigido pelo mercado de trabalho, sem saber que o nível técnico com experiência comprovada é muito mais valioso no momento de conquistar uma vaga de emprego. Sobretudo, não há mais trabalhos de pesquisas acadêmicas, mas, sim um verdadeiro decoreba e por fim, entramos burros e saímos um jumentos em termos de conhecimentos.
    Tenho um filho Estudando no Sul da Flórida e o conceito de Brasil pelos americanos é de que isso aqui é o lixo do mundo e a escória do planeta, por ter um povo omisso, leniente e masoquista que só enxerga samba, futebol no maracanã e novelas, não existe uma cultura implantada para o empreendedorismo, e empreendedorismo não pode estar restrito ao comércio, porque, ciência e tecnologia é também um forma mais abrangente de empreendedorismo. Vivemos num país cuja mente brilhante faz vaquinha em condomínios e redes sociais para angariar fundos para competir fora do país, representando o seu próprio país e o governo atual não possui nenhum interesse em investir nessas pessoas, muito menos no empreendedor. A carga tributária é estratosférica a maior do planeta e locação virou algo surreal.
    Em Nova Iguaçu, mais de 50% das Lojas estão fechadas, outrossim, no Rio de Janeiro passou no fantástico ou jornal Nacional uma matéria mostrando uma rua inteira no centro da capital com suas lojas quase todas fechadas.
    O Jumento locador prefere ficar um ano sem ganhar um centavo em locação ao invés de alugar a sua loja por valor justo e que atenda a realidade recessiva e caótica da economia e mercado brasileiro atual. Burrice e ambição com oportunismo são coisas distintas. Lembre-se da greve dos caminhoneiros, a maioria dos produtos não aumentaram pelas perdas, mas por puro oportunismo e mesmo assim, nós vamos lá e compramos, na verdade os jumentos somos nós mesmos, porque se o jumento soubesse a força que ele possui ele jogava o carroceiro para cima, dava coice para todo o lado, destruía a carroça e jamais aceitaria ser agredido por seu carroceiro com um chicote. Ironicamente somos um jumento sendo acoitado pelo governo com seus chicotes tributário e corrupto.
    É preciso estudar não o Brasil apenas, mas todos os brasileiros, somos e estamos doentes por leniência, omissão e covardia em não exercermos os nossos direitos de cidadania.
    Querem um conselho? Aqueles que podem façam das suas casas um escritório ou um ponto de negócio e deixam esses abutres de lojas que geralmente pertencem a uma única dinastia de família, principalmente nos interiores do país, morrerem asfixiados financeiramente ou ter seus imóveis destruídos pela mofo, traça e o ferrugem, decorrente do próprio tempo ao invés de trabalharem para prover o avanço e crescimento do seu próprio país, porque Micro Empreendedores Individuais geram empregos, abrem mercados e podem ser uma das vias de acesso para redução do desemprego e o fim da recessão do país. Sem mais, um forte abraço à todos.

    Att. Marcos Antônio – RIODESIGNFEST – PERSONALITY – MEI

    Nota: Me perdoem pelo 2º. Post substituindo o 1º,: Escrevi muito rápido o primeiro e não percebi os erros gramaticais e aproveitei para acrescentar algumas informações relevantes. Sem mais, Grato!

    • Poxa Marcos,
      Você ficou mesmo afetado pelo tema, não é?
      Realmente o cerne do brasileiro precisa ser mudado.
      Estou a mais de 1 semana tentando colocar a luz na loja. Como o antigo inquilino deixou débito na light eles instalam mas criam diversas barreiras para que eu desista e pague o debito de terceiros.
      Funciona mais ou menos assim: Se estiver quitada basta o cnpj e pronto, está instalada. Como existe o débito a cada vez que vamos lá eles criam um novo documento para apresentar. Pediram agora a escritura da loja que eu aluguei… no futuro se pedirem a assinatura da mãe morta de proprietário original da construção da obra, não irei me surpreender… é mais um custo brasil.
      Estou recebendo a minha impressora na segunda feira e não poderei instalar ela por falta de luz.
      Se eu fizer um gato vão ter que cobrar pro antigo inquilino… basta eu afirmar que já tinha entrado lá com a luz funcionando e que estranhei não chegar a conta de luz… se cortarem basta religar ela de novo e de novo… não é assim que fazem os bandidos por aí??? É uma inversão de valores total. O bandido passa a ter mais direitos do que o cidadão de bem.
      Não sei se a solução é montar o negócio em nossas residencias. Eu ja tive problema atendendo clientes em casa diversas vezes.
      Mas que dá vontade de desistir de investir no Brasil e ir empreender em outro país com menos burocracia, dá sim.
      E nós empreendedores estamos mais que preparados para empreender em qualquer parte do mundo.
      Não sei se aconteceu algo do tipo na Venezuela… pouco se fala sobre isso, mas imagino que lá também tenha havido uma fuga em massa dos empreendedores e por isso houve o grande desemprego e a grande queda do PIB. A população se esquece que esse 1% da população que arrisca seu próprio dinheiro num negócio é responsável por quase 100% do PIB do país. Aqui no Brasil o movimento já começou. Veja no seu circulo da amizades quantos empreendedores fugiram daqui devido a burocracia e criminalidade.
      Eu estou indo no sentido contrário esperando uma melhora… mas otimismo tem limites não é?
      Um grande abraço!

  3. Paulo, a burocracia Brasileira é algo que deveria ser estudado, aliás o brasileiro deveria ser estudado pela NASA, aqui na cidade que eu resido (Taubaté-SP), passei a mesma situação que você quando fui montar minha lona gráfica, para alugar ou era vários depósitos ou fiador ou seguro fiança ou capitalização (frescura)…. Aqui por ser uma cidade do interior de SP, estou abismado com o número de imóveis de fechados. Tenho certeza que existe inúmeros empreendedores “loucos” para alugarem um desses imóveis, mas aí são gravados por esse monte de burrices…. Resultado o centro da cidade está simplesmente morrendo, várias e várias lojas fechadas, economia parada e ninguém ganha… O dono do imóvel não ganha, a imobiliária não ganha, e o empreendedor não empreende, simples assim… No meu caso aí da consegui um senhora que tem a alma bondosa e me pediu apenas o aluguel do mês e pronto! Simples assim:
    Filho paga só o aluguel do mês e já pode começar a trabalhar.
    Ou seja uma idosa, tem mais visão de negócios que muitos por aí, detalhe a Sra. Sempre foi empreendedora, criou 6 filhos vendendo produtos de porta a porta, de bicicleta percorria toda a cidade, depois passou vender produtos direto do fabricante e aí a história vai, kkk. Resultado, inúmeros imóveis, casa em 2 cidades, todos filhos encaminhados e com sua casa própria que ela mesmo deu…
    Ao seu desabafo, essa é a resposta o brasileiro é extremamente egoísta e desconfiado, não liga para o próximo, prefere não alugar ao dar uma chance para quem é honesto, prefere ser enganado (por isso que aqui é o país mãe do estelionato). De verdade no caso dessa senhora eu deixo de comer, mas não atraso 1 dia o aluguel da loja. Valorizo quem me valoriza, e pela simplicidade e confiança ela merece todo respeito e consideração.
    De verdade, tenho 33 anos e deixei de acreditar que o Brasil um dia irá mudar, aqui é minha última tentativa, casa o senário político e econômico não melhore, eu também irei embora para Europa sem pensar 2X, minha casa já está a venda, assim que receber os valores deixarei o dinheiro de prontidão para ser convertido e Europa aí vou eu…

    Vamos ver né.

    Abraço meu amigo, suas dicas são de ouro. 4 anos que acompanho o blog e as mudanças, sofrencias e tudo mais, parabéns pela resiliência.

    • Rodrigo,
      Essa senhora pensa como no primeiro mundo. Um imóvel foi feito para morar ou para gerar renda. Ficar com o imóvel parado é insano. As pessoas acham que seu imóvel comercial vai subir patrimonio mesmo estando fechado como se fosse mágica. Mas se muitos fazem o mesmo vai haver uma depreciação natural nos preços por excesso de imóveis a venda. Lei básica de oferta e demanda.
      Por outro lado quanto mais imóveis ocupados, maior o preço que pode ser cobrado tanto na venda quanto no aluguel.
      Isso demonstra bem a “burrocracia” brasileira, que não vê que esse é o caminho para “venezuelalização”. No final vão ter seus patrimonios depedrados pela população em fúria.
      Confesso para você que muitas são as vezes que faço as contas para mudar de país. O que pesa não é a questão financeira, que pessoas como a gente sempre encontra um jeito de ajustar. Mas sim a questão emocional, das pessoas que temos afeição que são prisioneiras dessa terra.
      Se quiser dicas de bons sites que falam sobre investimentos posso passar para você. Basta me contatar. Eu ja vendi meu apartamento e tenho ganho de 3 a 5% mensais aplicando na bolsa… posso passar o caminho para você fazer o mesmo, mesmo antes de vender seu apartamento (ele passa pela educação financeira).
      Estarei aqui as suas ordens.
      Abraços,

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here