Dica de impressora – Ricoh Aficio MPC 6000 e 7500

58
23558

Hoje eu recebi uma dica de um colega gráfico. Na verdade nem sei se foi uma dica ou uma consulta, mas como gostei das especificações do equipamento estou passando para os meus leitores para conhecerem. Esta é apenas uma das primeiras a serem escritas, pois já está no plano trazer algumas opções para os leitores. Vamos a ela.

Ricoh Aficio MPC 6000 e 7500

Na verdade eu nem sabia que a Ricoh tinha impressoras coloridas. Eles são um fabricante tradicional na área de copiadoras e duplicadoras e fiquei impressionado com um item em especial. Custo de impressão real A3 de R$ 0,25. É um achado! Ideal para quem pretende fazer impressões por conta própria.

Mas o que eles entregam com isto?

  • Conheça o nossos Cursos Online e aprenda a criar seus próprios projetos gráficos. Domine o Photoshop, Illustrator e InDesign como um designer gráfico profissional.

Pelo que eu li, uma ótima qualidade de impressão, com 2400×600 dpi, em papéis até 300 g, ou seja pode fazer cartões tranquilamente, com duplex automático, para quem não sabe é frente e verso automaticamente, e dados variáveis, numa velocidade que vai de 60 a 75 páginas por minuto (dependendo da sua escolha).

Nada mal para um equipamento desses. Bem que eu gostaria de ver a impressão. Vou pedir para eles umas amostras para dar uma opinião neste quesito, mas não deve ser ruim, principalmente pelo preço cobrado.

Ricoh Aficio 6000e 7500 para gráficas

Quanto custa?

Antes que me perguntem… Não estou recebendo comissão nenhuma, se bem que gostaria de ter uma destas aqui por uns meses para testar de perto.

A Ricoh Aficio MPC 6000 está sendo vendida pela Colorgrafix por R$ 25.000 facilitados (sinal R$ 10 mil e 12 parcelas de R$ 1250) e a Ricoh Aficio MPC 7500 por R$ 28.000 facilitados (sinal de R$ 10 mil e 12 parcelas de R$ 1500).

Você tem R$ 10 mil? Se eu tivesse e estivesse pensando num equipamento para comprar com certeza poderia optar por este equipamento.

E olha que eles trabalham também com o Cartão BNDES que deve deixar ainda mais em conta para pagar.

Agora imagine vender a impressão A3 de cartazes por R$ 2,00 gastando apenas R$ 0,25 por página. Para pagar as impressões precisa de apenas 720 impressões por mês, ou seja, umas 35 impressões por dia. Se fizer micro-pacotes como 50 impressões de panfletos pode até cobrar menos e ainda garantir um bom retorno. É fácil, fácil de pagar. Pode fazer os cartazes, cento de cartão, convites e outras coisinhas que precisem de pequena tiragem.

Quer mais? Compra papel transfer laser e uma prensa e vai trabalhar com camisas!

As opções são muitas!

O custo de impressão é este mesmo?

Quando avaliamos impressoras laser e jato de tinta, calcular o custo de impressão é uma das coisas mais complicadas. Começa que as informações de consumo são fornecidas em geral para 5% de cobertura e a nossa realidade é de uns 25% em cada cor.

Por sorte, no mesmo email que recebi tinha o custo dos insumos.

O kit de 4 cores com duração para 40 mil impressões sai por R$ 1.990,00. Fazendo as contas dá um consumo de R$ 0,05 para uma cobertura de 5%. Ou seja, com os 25% de cobertura dá exatamente os R$ 0,25 anunciados por eles (eles falam em 70% de cobertura… 3 cores x 25% dá 75%… eu entenderia os 100%, mas deixa pra lá… parece bater).

O cilindro, o belt e o fusor dão para cerca de 500 mil impressões… pelo preço fica quase de graça, não pesando em nada nas contas.

Analisando os números, realmente o anuncio deles está correto… só fura se você colocar um preto totalmente calçado ou aquele marronzão pesadão. Mas na média está tudo bem.

Ricoh Aficio 6000 e 7500

E onde adquirir este equipamento?

Bem, eles tiveram a iniciativa de trazer as informações e merecem a divulgação.

Você encontra este equipamento aqui:

OBS. Retirei os dados deste revendedor até que esclareça o ocorrido com nosso leitor.

COLORGRAFIX

Célio Moraes – Departamento Comercial

(16) 3043-4260 | (16) 3967-2494
(11) 98683-0857 (Tim)  (16) 8813-0820 (Oi)
Nextel ID 80*25039
Skype: colorgrafix.comercial3

Site : www.colorgrafix.com.br

Conclusão

Conhecer novos equipamentos fazem parte da rotina gráfica.

Somente assim pode-se optar por crescer seu negócio gráfico.

Essa impressora me pareceu uma excelente opção. A qualidade deve atender a maioria dos gráficos e o custo com certeza é próprio para os pequenos gráficos, designers, copistas e pessoas que estão começando agora.

Sei que o sinal pode ser um empecilho, mas com certeza, com uma boa divulgação para que os clientes te conheçam,  pode atrair uma boa quantidade de serviço, garantindo o pagamento das prestações e sobrando um bom lucro.

É um equipamento que pode entrar tranquilamente nas contas de um pequeno empreendimento e trazer um grande resultado.

Se for pessoalmente conhecer, não deixa de colocar suas impressões aqui.

Se é um concorrente dele, que tal mandar um email para mim também? Com certeza vai conseguir uma divulgação também!

58 COMMENTS

  1. BOA TARDE PESSOAL
    GOSTEI MUITO DO QUE LI ESTE BLOG E SÓ AUMENTOU A MINHA VONTADE

    JA TENHO GRAFICA E UMA COPIADORA TENHO VÁRIAS IMPRESSORAS
    TENHO RICOH 2550, OKIDATA 910, LEXMARK 565, 644 E 646 , HP 9040DN, BROTHER E OUTAS PEQUENAS
    MAS ESTOU AFIM DE COMPRAR UMA PROFISSIONAL ESTOU PENSANDO NA RICOH PRO C720
    ALGUEM PODE ME FALAR SE ESTE EQUIPAMENTO REALMENTE É BOM..
    SOU O ARI DA GRAFICA ARIDESIGNER DE ANDRADINA

  2. Olá.

    Eu gostaria muito de saber se a impressora mp 7500, eu consigo mandar imprimir já grampeado? ou apenas consigo fazer isso nas cópias?

    Obrigado.

    • Roberto,

      Apenas se liga que em alguns locais pode valer mais a pena investir em jato de tinta mesmo… A HP pro X custa uns 3-4mil e é muito rápida e com custo de tinta na faixa dos R$ 0,03… tem HP A3 7612 que é A3 com boa qualidade, e embora lenta mantem o custo do A3 em cerca de R$ 0,05… tem que estudar o que o seu mercado pede. As vezes vale a pena testar um pouco essas outras opções com bulk antes de investir num equipamento mais pesado.
      Abraços,

  3. Eu mesmo tenho uma Ricoh que nem é filé mp c 2550, fora de linha! e olha que na época paguei recondicionada por R$ 9.500, hoje está a R$ 4.000
    Cara! como eu sou gráfico antigo, venho a mais de 4 anos com essa maquina dentro da gráfica duvidando dela, e aos poucos tendo grandes dificuldades para imprimir a produção por causa de tempo.
    venho por força maior tendo que que me render a ela, rapaziada olha que a marvada é fera! imprime 25 por minutos, colorido, A/3, parece pouco, mais vai para ofsset rodar 200 impresso colorido, é uma mão de obra desgraçada, um quarto para quem é gráfico tradicional, me recuso a acreditar nisso, afinal tenho ofsset , (como ousa uma maquininha de plastico, fazer mais que uma ofsset? pesada, robusta, imagina!) serviçada de 500 até 1000, imprimo e ainda numero no corel draw, simplesmente coloco a maquina para rodar e vou fazer outra coisa, quando volto está tudo impresso e numerado, é sacanagem com a minha crença da ofsset, pior que gostei da brincadeira, a ofsset está até meio encostada, vou comprar uma Ricoh mais nova e moderna, ai sim, vou quebrar tudo mais ainda,
    Só para o leitor ter uma ideia da coisa, vou fazer aqui uma mostra.
    Pasta, cartão de vistas, panfletos em pequenas quantidade, cartão de natal, folhetos , livretos em poucas quantidades, etc.
    já pagou a maquina umas 6 vezes nesses 4 anos que estou com ela, 2 eu levei só para acreditar nela, tive para vender ela , ficou tapada que eu não queria nem ver ela, apenas por causa de treinamento, e a cultura da ofsset, tive dificuldade e falta de interesse de me aplicar nela, a hora que começou não ter que lavar maquina, acerto dificil na ofsset, gravação de chapa, revelador, sujeira de tinta, preço baixo do serviço, agora estou terceirizando tudo nos grandes fornecedores, outra grande dificuldade emocional , como? euzinho top de linha terceirizando com outra gráfica, ao 62 anos , 30 de gráfica, sou meio bom no corel e no fotoshop e com a Ricoh, a minha vida, é só atender bem o cliente com calma e rapidez, sem aquela questão difícil com funcionário,
    que pede a Deus para arranjar um emprego, quando arranja , Deus me livre desse emprego, uma verdadeira humilhação para microempresário.
    A minha vida de pequeno dono de gráfica mudou para uma muito melhor, por isso estou dividindo isso com vocês.Não tenham medo! no começo para quem é de ofsset (digo ofsset monocolor) é meio confuso pela crença que eu tenho uma GTO uma cor, eu sou o cara! já era meu amigo! muda ou mudam você, a minha Ricoh só o que eu vendo de impressão colorida A/3 cobro R$ 3.50 a folha , se quiser faz xerox também se tiver saco para aguentar xerox, pode fazer, estou tendo até problema para dar conta, vai espalhando, vira um inferno bom, as vezes. É isso! não perca o seu mercado , muda de tática!

    • Adão,
      Gostei muito do seu comentário.
      Tenho menos tempo de gráfica do que você mas sei que não adianta ficar lutando contra a correnteza. Os investimentos em gráfica são muito altos e dependem de volume. Se gosta de offset e quer continuar com ela tem que encarar a concorrencia pesada dos grandes distribuidores e jogar 2 milhões em equipamento para arranhar na capacidade produtiva deles… não é fácil… imagina vender 1000 milheiros de cartão dia… não é para qualquer um.
      O pequeno gráfico hoje tem a pequena tiragem como nicho… e nessa a laser entra em cena… e tem que tirar da cabeça economizar no equipamento. Uma leser de R$ 1 mil é feita para em pouco tempo quebrar e não compensar a manutenção. Tem que pisar no campo profissional como nessas Ricoh que eu indico a torta e direita.
      Comparando o seu caso, a uns 10 anos atrás eu investi num duplicador digital. O pessoal da offset ria quando via a qualidade e achava que não ia pegar. Mas o tempo passou e eu fui vendendo 500 folhinhas a R$ 30 e 1000 a R$ 50… o cliente chegava, eu fazia uma arte rápida, jogava na maquina e ele saia todo satisfeito com o produto pronto. Quando eu fechei a gráfica anos depois durante a minha separação (esse foi o motivo de fechar… cabeça quente), um monte de gente tomou coragem e adquiriu desses equipamentos.
      Pode ser pior e coisa e tal, mas a pressa do cliente conta muito… dá até para cobrar mais caro (soubesse eu disso na época… mas o tal do medo não deixava).
      Seu depoimento vai ajudar muita gente a fazer essa mudança.
      Hoje dá para trabalhar quase sozinho tendo um resultado bem maior do que com uma empresa cheia de clientes… é só se equipar direitinho e não ter medo de terceirizar o que dá mais trabalho do que lucro.
      Parabéns,
      Abraços,

    • Adao se voce precisar de qualquer peca seja para Ricoh, konica, kyocera, oce, Xerox , HP e so nos informar temos precos excelentes para revenda
      Whatsapp 0021 1 (954) 214-1991 ou 021 4042-5925 Monika

      • Alisson,
        Eu conheço o chapado da série 6000 e é excelente… cheguei a duvidar que era laser pois não tem aquele brilho típico das lasers mais baratas.
        A 2551 tem a mesma tecnologia da serie 6000… muda mais a velocidade… eu imprimi pouca coisa nela… mas pelo que vi é boa também.
        Uma dica adicional é que a arte deve ser bem preparada… tem gente que coloca preto C100M100Y100K100 ou preto RGB e quer um chapado perfeito… o papel só admite uma carga de uns 250% de tinta/toner em qualquer processo usado (jato de tinta, laser ou offset)… nesses casos o chapado sempre vai manchar devido ao papel não suportar a carga de tinta… é um problema de design e não de impressão.
        Abraços,

  4. Olá pessoal,

    Tenho os equipamentos Ricoh mpc2051/mpc6000/mpc6501/mpc7501 entre outros.

    Disponíveis para venda ou locação, para quem não pode investir em compra nesse momento é uma boa opção, pois a locação pode ser com ou sem cobertura de material.

    Já trabalho com algumas gráficas.

    Qqr dúvida estou à disposição.

    E PARABÉNS PELO BLOG, É BEM INFORMATIVO.

    Edmilson
    PRÁTIKA MÁQUINAS
    11-3851-1827
    WATHSSAP 11-94007-8317

  5. Como já havia dito em outro comentário, tenho uma multilit e uma Ricoh mc 2550 e Konica Minolta e algumas gráficas para comprar produtos como cartão de vistas , panfletos, tudo baratinho, o que eu consigo rodar em casa, na Ricoh , os tipos de papel, estou vendendo no meu site já cortado e testado no formato A/4,ou A/3 por que vejo o medo que as pessoas tem com relação a papel, se você tem uma maquina Ricoh, Minolta, Multilit, 1º faça a pergunta se roda na sua máquina, os que eu estou vendendo no site, todos rodam nessas maquinas, pois tenho elas e rodo esses papeis. Por que isso, é um grande problema, roda ou não roda? antes de comprar , pergunte ! por que o negócio é problemático essa questão de gramatura, na minha ofsset por exemplo, é até difícil de explicar, tem papel cartão que não roda nela e roda nas digitais e vice verso, já corto no sentido da fibra para facilitar em cada maquina, já vai testado sem problema para o empresário, pois já fiz isso, na prática! o custo é super bacana e não te deixa com problemas, já cortado e já te digo se roda ou não roda na ricoh, multilit e Konica Minolta 3037 dn, experimenta! não vai te custar nada a mais por isso, uma tranquilidade, saber se vai dar certo ou não, antes de comprar, pense!

    • Adão,
      Vejo que você está facilitando as coisas para seus clientes. Isso mostra um diferencial que parece estar agradando ao seu público. Isso permite até cobrar um pouco mais que a concorrência se quiser pois é um benefício a mais que é dado ao cliente.
      Essa questão de uns cartões rodarem bem e outros não realmente acontece. Vemos no papel questões como gramatura e tipo de papel. Você já observa a fibra, o que tem muita gente que nem sabe disso. Mas há ainda questões como a superfície do papel, mais lisa ou rugosa, que faz diferença nos puxadores da folha e na absorção do toner ou tinta. A facilidade de dobra da folha, principalmente quando o caminho não é reto e outras características mais.
      O seu site não diz de onde você é, mas seria interessante mostrar pro povo qual é a sua região.
      Estamos aqui a sua disposição.
      Abraços,

      • Multilit é offset ofício monocromática… essa é a especialidade dela… vai fazer talões e panfletos monocromáticos.
        A Ricoh é especializada em pequenas tiragens coloridas.
        Grandes tiragens coloridas exigem equipamentos offset de grande formato… fica no caso com a terceirização.
        Fazendo isso você trabalha com o melhor de cada equipamento.
        Se entrar um indivíduo na sexta querendo grande quantidade de impressos coloridos para o sábado você vai oferecer os impressos coloridos da Ricoh a alto preço ou uma opção monocromática na multilit a baixo custo… o cara vai decidir se o importante é custo ou qualidade e vai aprender a se programar melhor.
        Não tenta fazer impressos coloridos na multilit para competir com os terceirizados ou atender a baixo custo na ricoh… você vai se frustar e ter prejuízo.
        Um grande abraço,

  6. tenho 5 maquinas dessa mp c6000 e não consigo comprar a belt da fusão , que custa em média 800,00 a 1200,00 é o q sempre tive problema ! o resto é tudo mais barato que ja vi em custo beneficio para copiadoras COLORIDAS! se alguem conseguIR essa belt DA FUSÃO no brasil compro todas! ABS ROGÉRIO 313398 0428

  7. Como vai Paulo! parabens pelo blog! fiquei interessado ne mp c600 para começar.
    quero abrir uma grafica rapida e entrei em contato com o pessoal da NF SOLUÇÕES DIGITAIS me atenderam prontamente uma ricoh mp c6000 a R$ 12.500,00 revisada, o q acha?
    eu gostaria na verdade de uma impressora com uma ”boca” maior a 6000 pega 30,5×45,8, uma mediada maior ajudaria a tirar pastas e um aproveitamento melhor, ate pq o investimento é medio…
    se tiver alguma sugestão !
    abç !
    Fica na Paz!

    • David,
      O preço da ricoh está bom.
      Não sei se ela roda papeis mais compridos… não vi o manual.
      Existem algumas konica-minolta que fazem faixas com até 1 metro de comprimento. A qualidade é similar e o custo de impressão ligeiramente maior, mas nada que impeça o uso. A qualidade é similar a Ricoh e as máquinas são muito bem faladas no mercado. Eu achei a impressão do ricoh melhor, mas pouca coisa.
      Fica a dica.
      Abraços,

  8. Bom dia Paulo.

    Estou comprando um máquina dessas, mas um dos critérios que estou avaliando é a qualidade da impressão.
    No seu post você fala que a maquina roda em 2400dpi (isso é muito bom), mas nas especificações do fabricante só mostra 1200×600. Você já teve contato com essa maquina pessoalmente, ela roda nessa resolução de 2400 mesmo?

    Ficarei grato pela informação, vai me ajudar muito na decisão.

    • Fabio… não irei falar em resolução e sim em resultado.
      O resultado dela é muito similar a uma impressão offset de qualidade… é necessário uma boa lente pata ver a diferença… visualmente são iguais tanto nas cores claras quanto nas escuras. Quando recebi as amostras (feitas ao acaso) achei até que estavam enviando offset… mas ao ampliar vi que a roseta era diferente.
      Já recebi amostras de outras máquinas ditas profissionais e tenho utilizado impressões da minolta mais simples… a da Ricoh é bem superior, mesmo a da minolta sendo boa.
      Abraços,

  9. NÃO COMPREM NA COLORGRAFIX – COMPREI, NÃO FIZERAM A MANUTENÇÃO NA MAQUINA COMO FALADO, SÓ ENROLAM, TONNER DELES SÓ DA PROBLEMA NO CHIP, (ISSO QUER DIZER QUE NÃO É ORIGINAL, E É VENDIDO COMO SENDO), SÓ CONSEGUI COLOCAR A MAQUINA PRA RODAR QDO ACHEI OUTRO TECNICO, MAIS AINDA DANDO ALGUNS PROBLEMAS NOS REVELADORES SENDO QUE TERIA QUE SER TROCADO POR ELES. NÃO COMPREM EMPRESA NÃO É SERIA!!!

    • Leandro,
      Estou entrando em contato com eles.
      Por enquanto escondi os dados para não indicar mais ninguém para lá. Dependendo da resposta eu tiro de vez.
      Fica de alerta para as pessoas saberem que devem pesquisar mais. Tem gente vendendo dessa máquina e das antecessoras usadas no mercado livre.
      Vai mantendo a gente informado e se tiver outra indicação põe aqui.
      E não deixa de falar o que achou do equipamento. Eu mesmo pretendo comprar um usado em breve.
      Abraços,

    • lEANDRO SE VOCE PRECISAR DE PECAS DE REPSOICAO E SUPRIMENTOS FACA NOS UMA CONSULTA SOMOS ESPECIALISTAS EM PECAS DE REPOSICAO RPA TODOS OS MODELOS DE MAQUINAS
      WHATSAPP 0021 1 (954) 214-1991 OU 021 4042-5925 Monika

  10. Olá, estou quase comprando uma porem preciso fazer mais cotação e estou com dificuldade de achar um fornecedor. Alguém pode me ajudar? Tenho interesse em uma nova. E parabens pelo post… ficou otimo.
    Um abraço a todos

  11. Olá meus amigos, estava lendo sobre a máquina e realmente fiquei impressionado pelo custo benefício dela e a gramatura que imprimi. Realmente e um ótimo investimento e ela auto se paga com aqueles clientes aprecadinhos como disse nosso amigo. mInha pergunta és seguinte. cOnhecem fornecedores bons em qualidades de papéis tanto offset quantos couche caso adquirisse uma máquina dessa? Muito obrigado pelas dicas e ótima vendas a todos vocês .

  12. Olá pessoal,
    Acho que estou um pouco atrasado neste comentário… Comecei neste ramo há pouco tempo, uns 4 meses, mais ou menos e estou com um volume de vendas legalzinho. Estou terceirizando todo o serviço, exceto as artes e consigo um bom lucro com isso. Minha pergunta é: essa impressora trabalha com todos os tipos de papéis mais utilizados por nós? Quer dizer, podemos ir do normal 65g até o couchê brilho e fosco de 300g? Outra coisa, parece, pela imagem, que é uma impressora modulada. Ela faz o refile, dobra e grampeamento? Obrigado pela atenção e parabéns pelo blog.

    • Felipe,
      Saiu hoje meus comentários sobre a impressão dela.
      Todas vieram em papel 250 g. Não verifiquei se ela puxa 63 g, mas 75 g ela faz facilmente.
      Perceba que este tipo de impressora não precisa fazer igual a offset. O objetivo não é trocar suas 5000 impressões em papel 63 g.
      Na verdade o objetivo é pegar aqueles caras apresadinhos, que inventaram algo de ultima hora e chegam na quinta ou sexta querendo o serviço para o mesmo dia, pois o evento está encima do laço.
      Em alguns produtos até é viável competir com offset, mas lembre-se que parte do acabamento se torna inviável.
      Você faz 1000 cartões nela por cerca de R$ 19 já com o papel, mas não vai ter como aplicar verniz ou laminar. O produto final cai a qualidade por este motivo, mas continua muito apresentável.
      Quanto a impressão, não se perde quase nada em relação a offset. Fiquei muito impressionado. Eu esperava algo pior do que recebi nas amostras. O que chegou é praticamente uma impressão offset. Impressão de primeira linha realmente.
      Dá uma lida no artigo de hoje. Deixei inclusive uma dica para conseguir comprar ela.
      Realmente ela é modulada. Tem os acessórios para refile, alceamento, etc. Mas isto não vai no preço que falei. É tudo a parte.
      Abraços,

      • Pois é, os apressadinhos são sempre um problema. Esta semana mesmo perdi um serviço bom porque o cliente queria mandar um serviço na sexta para que estivesse pronto na segunda e com a terceirização esse prazo é impossível de cumprir. Para tal objetivo, a impressora é realmente legal. Quem sabem em um ano com um faturamento melhor… obrigado pelas dicas, meu velho.

      • Não é faturamento melhor… é quantidade de serviço que justifique a aquisição. No fundo… perder o MEDO e se ajustar as exigencias do cartão BNDES e meter a cara.
        Estou nessa também!
        Abraços,

    • Bom dia Felipe,

      Esse equipamento iria lhe atender muito bem, ele imprime 63,93 g/m² – 162,71 g/m², ele imprime em vários tipos de mídia, couchê fosco e brilhante, papel adesivo, alguns tipos de vinil, transfer, entre outros. Acompanha a máquina sempre um módulo, um que alcea e grampea até 50 páginas ou um que alcea e grampea até 100 página, porém o custo não compensa utilizar esses módulos pra essa função, o ideal é você ter um equipamento próprio pra esse serviço. Em caso de duvidas entre em contato comigo que tiro todas as suas duvidas.

      Abraços

      • Primeiramente peço desculpa a todos, pois me equivoquei em relação a gramatura máxima na resposta ao comentário do Felipe, eu quis dizer que a gramatura minima que a máquina aceita é de 63,93 g/m² e a máxima é de 300 g/m², podem ficar tranquilos, ela imprime até 300 g/m².

        Abraços,

    • Eustáquio,
      A tinta sublimática é um tipo de tinta de impressoras jato de tinta ou plotters.
      O papel transfer funciona parecido com a sublimação. Normalmente falam que é menos resistente que a sublimação. Mas isso é quando comparamos os dois impressos por jato de tinta.
      No caso de uma impressão laser com transfer e uma jato de tinta com sublimação, o resultado é bem parecido.
      A diferença principal é que uma jato de tinta leva minutos para fazer uma boa impressão e a laser faz muitas páginas por minuto (neste caso são 60 por minuto). Com isso você pode ganhar produção.
      Imagine fazer 500 canecas para um evento. Numa impressora jato de tinta adaptada levaríamos 500 minutos ou seja mais de 8 horas somente na impressão (tomando 1 minuto por impressão). Esta impressora te entregaria todo o trabalho de impressão em 9 minutos.
      Esse raciocínio em cima de produção serve para qualquer tipo de material (cartões, panfletos, etc).
      Abraços,

  13. Boa tarde a todos!

    Eu sou Célio Moraes, foi eu quem envio este e-mail ao Sr.Paulo, eu gostaria de agradecer pela postagem, e dar os parabéns pelo blog.
    Referente aos equipamentos, sou um pouco suspeito para falar algo, mas posso garantir que são equipamentos totalmente confiáveis em questão de chamados técnicos, eles são as melhores opções do mercado em relação custo X beneficio, pois equipamentos com essa configuração e esse custo página,você só irá encontrar com valores a partir de R$ 40 Mil, para comprovar todas essas informações, temos showroom em São Paulo (capital) e outro em Ribeirão Preto (interior), caso haja interessados e queira receber algumas amostras de impressão, pode entrar em contato para me enviar os seus arquivos que faço as impressões e envio por sedex.

    Abraços

  14. Aqui no centro do RJ (SCT Informática – Rua de Santana) além de ser autorizada vende ela de 2² mão.
    Tinha 2 delas que até dobravam e grampeavam no estado por até 7.000,00 a vista. Fiquei meio assim alguém foi lá e comprou e já não tem mais nenhuma. Na próxima oportunidade pego uma.

    • Ao comprar usada é bom ver a quantas anda o toner, fusor, cilindro, etc… tudo junto aumenta quase R$ 4 mil no preço.
      A cara também é importante… tem que estar imprimindo legal.
      Mesmo assim parecia estar bem barata.
      Abraços,

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here